Urgente: Goleiro Bruno adota nova profissão no futebol

Ex-jogador de times como Flamengo, Corinthians e Atlético-MG, o goleiro Bruno tem agora uma nova profissão ligada ao futebol. De acordo com o ‘Jornal de Brasília’, ele agora é coach esportivo e fica responsável por trabalhar com profissionais e equipes de alto rendimento, com foco na disciplina dentro das quatro linhas.

Ainda segundo a publicação, Bruno chegou a fazer um curso intensivo online para conseguir a certificação e poder trabalhar na nova carreira. Em paralelo a isso, o goleiro segue em atividade atuando como goleiro amador em eventos nas cidades do Estado do Rio de Janeiro.

Bruno foi preso em junho 2010 acusado de ter mandado matar a modelo Eliza Samudio, com quem teve um filho. O jogador foi condenado a 22 anos de prisão e segue em regime semiaberto desde 2019. Em março de 2013, a Justiça de Minas Gerais o julgou culpado por homicídio triplamente qualificado, cárcere privado, sequestro e ocultação de cadáver.

Goleiro Bruno vira coach esportivo de atletas

Revelado nas categorias de base do Atlético-MG, Bruno defendeu a camisa do Galo entre 2002 e 2006, quando foi negociado com o Corinthians. Depois de não entrar em campo pelo time paulista, foi repassado no mesmo ano ao Flamengo e despontou como um dos melhores goleiros do país.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Pelo Flamengo, fez parte da equipe que conquistou três títulos do Campeonato Carioca, uma Copa do Brasil e um Campeonato Brasileiro. Mas em 2010, quando estava cotado para defender a Seleção Brasileira e se mudar para o Milan, da Itália, o caso de Eliza Samudio veio à tona e Bruno acabou sendo preso pelo crime.

Comentários estão fechados.